Em um país onde a taxa de desemprego só cresce – 12,2% no início de 2020 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística –, o empreendedorismo tende a continuar aumentando. Explicando melhor, em primeiro lugar, vamos falar sobre o mercado independente. Partindo do próprio nome, “independente”, esse tipo de negócio parte do princípio de ser autônomo, isto é, gerir e criar conteúdos por si só. 

Nesse sentido, o empreendedorismo baseia-se nas oportunidades de idealizar e realizar projetos, serviços e/ou negócios. Assim, o profissional independente tem uma chance de garantir seu sustento dentro de uma empresa autônoma.

 

 

Além disso, o uso das redes sociais é marcante quando falamos de micronegócios, visto que é uma forma de socialização e divulgação do produto oferecido. O uso desses meios midiáticos possui vários benefícios, como fácil acesso, promoção de propaganda e um compartilhamento mais rápido de informações. Dessa forma, ferramentas como Facebook, websites e, principalmente, Instagram, são utilizadas por inúmeras empresas independentes na hora de expor os produtos ofertados. 

Pensando nisso, é fácil perceber o mercado criativo que foi construído. E é por esse motivo que nós, do THRALHA, resolvemos listar cinco negócios independentes e inspiradores que você precisa conhecer.

Vem com a gente!

1. Neon Jungle

A primeira empresa é a Neon Jungle, criada pela Designer Talita Freitas no final de 2018. Essa marca abraça a individualidade e a autoaceitação, como é explicado no seu website. Esse negócio independente autointitula-se como “atemporal”, fugindo de tendências da moda e prezando a autenticidade do cliente. Além disso, a Neon Jungle trabalha com uma paleta de cores fenomenal, fortes e convidativas.

Dessa forma, a produção e a compra dos acessórios artesanais – como brincos e hair clips – tornam-se muito mais divertidas. Com isso, podemos notar o quanto é inspirador o ideal dessa organização, conservando o simples, as cores e o amor pelo produto.

2. Katsukazan

Do japonês “Vulcão ativo”, Katsukazan é um negócio independente orquestrado por Guilherme Akio e Priscila Sabino, que teve início no ano de 2017, mas que tomou força apenas em 2018. 

Os criadores procuram entrar em contato direto com a confecção dos produtos – as bolsas e as mochilas – por meio dos materiais e processos que os cercam. Sendo assim, a própria empresa corta, cola e costura, garantindo cuidado e um acabamento incrível.

3. Repolho

Repolho é uma empresa independente que existe desde 2014 e que dá valor à cultura brasileira – desde o nome até a fabricação – como eles mesmos ressaltam em seu website. Com isso, buscam sustentabilidade e valor cultural na hora da produção. As duas palavras resumem facilmente esse negócio, uma vez que construíram uma organização criativa e ambientalista dentro do mercado independente.

A loja vende roupas – camisas, camisetas, calças, shorts e casacos – e conta com uma mão de obra local com pequenos produtores, os quais são valorizados a fim de manter a economia local estabilizada e ampla. É uma ótima iniciativa e muito inspiradora.

4. Marsela

A quarta empresa independente é Marsela, que teve início apenas em 2019 e que segue expandindo seus rumos. Com um design independente e manual, os bucket hats e as bolsas produzidas pela empresa possuem um ótimo acabamento e recebem muitos pedidos.

Por todos os produtos serem feitos à mão, o acabamento e a dedicação são notáveis e, mesmo sendo um negócio autônomo novo, Marsela conta com uma linha de produção espetacular.

5. Ilustralle

A última e não menos importante empresa, Ilustralle: uma papelaria virtual criada por Isa – quando ela tinha apenas 18 anos de idade – que se tornou uma marca com um website famoso de vendas e com quase 80 mil seguidores no Instagram.

É um empreendimento independente que valoriza a autenticidade e a fuga do óbvio; além disso, amor, arte e criatividade são sinônimos para Ilustralle. Com uma inspiração dos anos 70 e 80, a empresa conta com cores chamativas, abraçando a unicidade da marca. Assim, esse negócio criou vida e muita cor, tornando-se um amontoado de dedicação e carinho. 

Por fim, consegue-se perceber que, com artesanato e muito amor, esses cinco negócios independentes surgiram e cresceram dentro do mercado criativo, transformando-se em grandes exemplos de inspiração para novos profissionais independentes. 

Deixe um comentário